Como prevenir as perdas no varejo?

Uma grande causa de gastos desnecessários e perda de lucro em empresas é a perda que ocorre geralmente por falta de organização e de normas e procedimentos eficazes que combatam isso.

A prevenção das perdas pode fazer com você aumente seu lucro e investimento na própria empresa.

O que são essas perdas e porque elas ocorrem?

Para sermos objetivos, perda é de fato, tudo o que a empresa perde que faz com que seu lucro diminua. Essa perda pode ocorrer de forma direta ou indireta. Como assim?

Vamos explicar o tipos de perdas primeiro. basicamente são duas. As perdas desconhecidas e as de quebra operacional.

As desconhecidas são as perdas identificadas apenas quando a empresa faz um inventário e através dele descobre itens não encontrados. O produto entrou na loja mas por algum motivo não está mais lá e não foi dado saída em venda. Os motivos disso acontecer são desconhecidos e podem ser diversos.

Já no caso da quebra operacional estamos falando de produtos que estão na loja para serem vendidos mas estão impróprios para comercialização. Produtos vencidos, com embalagens abertas ou foram armazenados de forma inadequada  e podem ter adquirido alguma “avaria”.

Como então prevenir as perdas?

  • Em primeiro lugar, escolher um profissional ou equipe que esteja focado somente nesse processo.
  • Depois a definição de Processos claros e a comunicação desses processos a todos os setores e funcionários do estabelecimento. Treinamentos constantes e responsabilização da equipe pelos resultados.
  • Com equipe responsável pelo setor definida, é hora de fazer o inventário. Isso é indispensável no processo de perdas. Se a sua empresa não possui alguém qualificado para fazer é melhor terceirizar. Esse procedimento deve ser muito bem feito, pois entre um inventário com erros e não fazer nenhum é quase a mesma coisa.
  • É preciso o envolvimento de todos os gestores e colaboradores. A cultura de prevenção de perdas deve ser de todos. Todos os colaboradores e gestores devem ter consciência de que as medidas preventivas não devem ser feitas apenas por um ou dois funcionários, mas por todos da empresa. 

É claro que seres humanos são passíveis de erros e o ideal é que todo esse processo seja conduzido com a ajuda de equipamentos e sistemas que ajudem a empresa na prevenção das perdas.

Um erro também bastante comum é não haver uma meta de perda. As perdas irão ocorrer, mas qual o mínimo viável para que sua empresa não tenha prejuízos grandes? A ideia é ter uma meta para medir isso. Outro erro é justamente a ausência de cobrança da perda. Se o setor não consegue atingir as metas, os processos não estão sendo efetivos e precisam ser revistos.

E a sua empresa? Já está adotando medidas de prevenção às perdas?

Escreva um comentário